segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Habilidades…

Um alentejano senta-se no comboio, em frente a uma voluptuosa ruiva, vestida com uma mini-saia. Nisto, deu conta que ela não tinha roupa interior.

Então a ruiva diz-lhe:
- Está a olhar para a minha vagina...
- Sim, desculpe!...
Responde o alentejano
- Não há problema!
Responde a mulher,
- Como és simpático vou fazer com que a minha vagina te mande um beijo.
Incrivelmente, a vagina manda-lhe um beijo!
O alentejano, fica totalmente doido!
Nisto, pergunta:
- Que outras coisas sabe fazer?
- Posso também fazer com que te dê uma piscadela...
O homem observa uma vez mais assombrado, como a vagina lhe dá piscadelas
A mulher, já muito excitada, diz ao alentejano:
- Queres enfiar-me dois dedinhos?
Paralisado, o alentejano benze-se e responde:
- Mãe do céu!!! Também sabe assobiar!!!!???

terça-feira, 27 de novembro de 2007

Lógica

CURIOSIDADES

Fixe seus olhos no texto abaixo e deixe que a sua mente leia correctamente o que está escrito.



35T3 P3QU3N0 T3XTO 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R COMO NO554 C4B3Ç4 CONS3GU3 F4Z3R CO1545 1MPR3551ON4ANT35! R3P4R3 N155O! NO COM3ÇO 35T4V4 M310 COMPL1C4DO, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO O CÓD1GO QU453 4UTOM4 T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1TO, C3RTO? POD3 F1C4R B3M ORGULHO5O D155O! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3! P4R4BÉN5!

domingo, 25 de novembro de 2007

Herman A Ultima Noite - Freud

Herman Enciclopedia -Pai Natal ou Menino Jesus - Juiz Decide

O que interessa são os resultados, a forma de lá chegar é completamente secundária...!

Gestão por objectivos e avaliação de resultados......

Era uma vez uma aldeia onde viviam dois homens que tinham o mesmo nome:

Joaquim Gonçalves.

Um era sacerdote e o outro, taxista.
Quis o destino que morressem no mesmo dia.

Quando chegaram ao céu, São Pedro esperava-os.

- O teu nome ?
- Joaquim Gonçalves.
- És o sacerdote ?
- Não, o taxista.
São Pedro consulta as suas notas e diz:
- Bom, ganhaste o paraíso.
Levas esta túnica com fios de ouro e este ceptro de platina com incrustações de rubis. Podes entrar.

- O teu nome ?
- Joaquim Gonçalves.
- És o sacerdote ?
- Sim, sou eu mesmo.
- Muito bem, meu filho, ganhaste o paraíso. Levas esta bata de linho e este ceptro de ferro.
O sacerdote diz:
- Desculpe, mas deve haver engano. Eu sou o Joaquim Gonçalves, o sacerdote!
- Sim, meu filho, ganhaste o paraíso. Levas esta bata de linho e...
- Não pode ser! Eu conheço o outro senhor. Era taxista, vivia na minha aldeia e era um desastre!
Subia os passeios, batia com o carro todos os dias, conduzia pessimamente e assustava as pessoas. Nunca mudou, apesar das multas e repreensões policiais. E quanto a mim, passei 75 anos pregando todos os domingos na paróquia.
Como é que ele recebe a túnica com fios de ouro e eu.....isto ?
- Não é nenhum engano - diz São Pedro.
Aqui no céu, estamos a fazer uma gestão mais profissional, como a que
vocês fazem lá na Terra.
- Não entendo!
- Eu explico. Agora orientamo-nos por objectivos.
É assim: durante os últimos anos, cada vez que tu pregavas, as pessoas dormiam. E cada vez que ele conduzia o táxi, as pessoas começavam a rezar.
Resultados! Percebeste? Gestão por Objectivos!

Parar ou abrandar

Um advogado ia distraído a conduzir quando, num sinal STOP, passa sem parar, mesmo em frente a uma brigada da GNR.

É imediatamente mandado parar e numa atitude perfeita de Chico-esperto pensa logo numa forma de se safar.

Agente - Boa tarde. Documentos se faz favor.
Advogado - Mas porquê, Sr. Agente?
Agente - Não parou no sinal de STOP ali atrás.
Advogado - Eu abrandei, e como não vinha ninguém...
Agente - Exacto. Documentos se faz favor.
Advogado - Mas qual é a diferença entre abrandar e ter de parar?
Agente - A diferença é que a lei diz que num sinal de STOP deve parar completamente a viatura. Documentos se faz favor.
Advogado - Ouça proponho-lhe o seguinte: se conseguir explicar-me a diferença legal entre abrandar e parar eu dou-lhe os documentos e pode multar-me. Senão, deixa-me ir sem multa.
Agente - Muito bem, aceito. Pode fazer o favor de sair da viatura?

O Advogado acede e é então que o Agente retira o seu cacetete e desata a desanca-lo violentamente, como mandam as regras.
E o Agente vai dizendo: - Quer que eu PARE ou só que ABRANDE?

sábado, 10 de novembro de 2007

Joãozinho e a redacção

É época dos exames finais e a professora mandou os seus brilhantes alunos escreverem uma redacção, onde fossem tratados os seguintes temas :
1 – Religião, 2 - Monarquia, 3 – Sexo, 4 – Mistério.

Passado meio minuto, o Joãozinho levanta a mão e diz que terminou.

A professora, sem acreditar, pede-lhe que leia a sua redacção.

Ele levanta-se, pega na folha de papel, coça a garganta e diz :
'Meu Deus! Foram ao cú à Rainha! Quem terá sido ?'

Joãozinho apanhei-te

A professora pergunta ao Joãozinho :
- Quantos tomates pode o mesmo tomateiro dar ?
- Não sei, professora ...
E com ironia ela diz :
- Hoje apanhei-te, espertinho !
Então o Joãozinho também faz uma pergunta :
- Professora, quantas tetas tem uma porca ?
- Não sei, Joãozinho ...
- Está a ver, a senhora apanhou-me pelos tomates, eu apanho-a pelas tetas !!!

Joãozinho e a rima

Como trabalho de casa a professora pede para os alunos fazerem uma rima.
No dia seguinte ...
- Diga a sua rima, Joãozinho ?
- Lá vem o canguru com uma flor no cu.
Indignada, a professora manda-o refazer a rima.
No fim da aula ...
- Joãozinho, diga novamente a sua rima
- Lá vem o canguru com uma flor na bochecha, porque no cu a professora não deixa.

Tamanho

Ao entrar na sala de aula, a professora vê um pénis desenhado no quadro. Sem perder a compostura, apaga rapidamente o desenho e começa a aula.
No dia seguinte, o mesmo desenho, só que ainda maior. Ela torna a apagá-lo e não faz nenhum comentário.
No terceiro dia, o desenho já ocupa quase o quadro inteiro ; por baixo ela lê a seguinte frase :
'Quanto mais esfregar, mais ele cresce !'

Joãozinho, para que serve

Na escola, a professora falava dos animais :
- Para que serve a ovelha, Mariazinha ?
- Para nos dar a lã, professora ...
- E para que serve a galinha, Manelzinho ?
- Para nos dar os ovos ...
- E para que serve a vaca, Joãozinho ?
- Para nos passar os trabalhos para casa ...

Joãozinho e a maneira de pensar

A professora pergunta aos seus alunos :
- Se existem 5 passarinhos num ramo e vocês atirarem e matarem um, quantos sobram ?
- Nenhum - responde o Joãozinho.
A professora fica surpresa com a resposta :
- Nenhum ?
- Claro... com o barulho do tiro todos levantam voo !
- Bem, não era essa a resposta que eu esperava, mas gosto da tua maneira de pensar !
- E agora, posso fazer-lhe eu uma pergunta ? - Pediu Joãozinho.
- Pode, Joãozinho.
- Estão 3 mulheres sentadas num banco a comer sorvete. Uma está lambendo, outra está chupando e a terceira está mordendo. Qual delas é a casada ?
A professora fica vermelha, mas responde, timidamente :
- A que está chupando ?
- Não, a casada é a que tem a aliança no dedo, mas eu também gosto da sua maneira de pensar ...

O uso da vaselina

Numa farmácia, um estudante de Marketing faz um inquérito junto dos clientes para uma pesquisa de mercado, a apresentar como trabalho curricular.

- Por favor,minha senhora. Eu estou a fazer uma pesquisa sobre o produto "Deslizafácil",para determinar os usos da vaselina no lar.
A senhora poderia dizer-me em que usa a vaselina?
Sem se fazer de rogada, a mulher responde:
- Em casa, usamos a vaselina para pele seca, assaduras e quando fazemos amor.
O pesquisador então pergunta:
- É a primeira vez que ouço falar do uso da vaselina para fazer amor, poderia dar-me detalhes?
Mais uma vez, sem se abalar, a mulher responde:
- Besunto a maçaneta da porta do quarto.
E que tem isso a ver com fazer amor?
É que as mãos escorregam e impede as crianças de entrar.

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

O nó

Zé Tó é um homem de todas as mulheres e de mulher nenhuma. Um dia, depois de um orgasmo, olhou bem fundo nos olhos da Conceição e emocionado perguntou:
-Queres dar o nó?
Ela, com os olhos molhados e parvo sorriso, acenou feliz que sim!
Então, o Zé Tó tirou o preservativo e passou-o para a mão da Conceição...

Na farmácia

Uma mulher entra numa farmácia e diz....
-Por favor, quero comprar arsénico.
O farmacêutico pergunta:
-Qual a finalidade?
- Matar o meu marido.
- Mas, não posso vender isso para esse fim!
A mulher abre a mala e tira uma fotografia do marido na cama com a mulher do farmacêutico...
- Ah, não sabia que a senhora tinha receita!!!

O Cheque

A filha faz 18 anos e o pai está todo feliz por emitir o último cheque da pensão que paga à ex-mulher, pois pagava esta pensão há 17 anos. Pede para filha que ela retorne para lhe contar como ficou a cara da mãe ao dizer-lhe que é o último cheque que ela verá da parte dele. A filha entrega o cheque a mãe e volta à casa do pai para lhe dar a resposta.
-Diga filha, qual foi a reacção dela?
-Ela mandou lhe dizer que você não é o meu pai.

Chefe / Empregado


Um dia o chefe chamou o seu empregado e disse-lhe:
- Aposto que você gostaria de me ver morto, só para ter o prazer de cuspir na minha sepultura!
- Não... de modo algum, detesto filas...

Comunicação Marido / Mulher

O Marido e a Mulher não se falavam há uns três dias... Entretanto, o homem lembra-se que no dia seguinte terá uma reunião muito cedo no escritório, e como precisava de se levantar cedo resolveu pedir a mulher para acorda-lo, mas para não dar o braço a torcer, em vez de falar, escreve num papel:
- "Acorde-me às 06 horas da manhã"
No outro dia, levanta-se e quando olha no relógio são 09:30 h. O homem tem um ataque e pensa:
- Filha da p... !!! Estúpida!!! Não me acordou... Nisto olha para a mesa-de-cabeceira e repara num papel no qual está escrito:
- "... São seis horas, levanta-te!!!"
Conclusão: NÃO FIQUE SEM FALAR COM AS MULHERES, elas ganham sempre.